Connect with us

Brasil

Ludmilla ultrapassa a marca de 3,5 bilhões de streams com os projetos do Numanice

Ludmilla. Crédito: Steff Lima

O pagode, gênero que carrega consigo uma rica ancestralidade e que remonta às raízes culturais do povo brasileiro, vive um momento de efervescência e renovação. E uma das responsáveis por este novo ápice é Ludmilla, cuja importância e grandiosidade transcendem os limites da música. Através de seu projeto “Numanice”, que acaba de ultrapassar 3,5 bilhões de streams nas plataformas digitais, a artista tem se destacado por sua importância na transformação e expansão do movimento.

Os números não mentem quando se trata do impacto de Ludmilla no mundo do pagode. O terceiro e mais recente volume, lançado em fevereiro, já ultrapassou 350 milhões de streams. Mais de 330 mil pessoas já vivenciaram a experiência do “Numanice”. Somente em 2023, a turnê contou com 15 shows esgotados em 11 capitais e teve sua primeira edição do Navio Numanice.

Seu sucesso internacional também é evidente, com apresentações em festivais renomados e reconhecimento em grandes premiações. Em julho de 2022, Ludmilla esteve entre os indicados a Melhor Ato Internacional do BET Awards. E a grande consagração aconteceu em

novembro de 2022, quando a cantora ganhou seu primeiro Grammy Latino na categoria “Melhor Álbum de Samba/Pagode” por “Numanice #2”.

O “Numanice” surgiu como uma proposta inovadora no cenário do pagode, combinando elementos tradicionais com influências contemporâneas para criar um som único e envolvente. A fusão de ritmos como o samba e o pagode com batidas eletrônicas e elementos de funk conquistou os fãs e fez o gênero alcançar números e espaços inéditos, tornando o show de “Numanice” um dos mais populares e requisitados do país.

Além de sua contribuição musical, Lud tem sido uma defensora incansável da inclusão e da diversidade, um dos motivos que tem contribuído para a expansão do alcance do pagode e para sua inserção em novos mercados e públicos. Seu impacto na cena é notável não apenas pelo sucesso comercial, mas também pela maneira como ela redefiniu o papel das mulheres neste gênero predominantemente masculino e foi essencial na construção de um espaço diverso para todos.

“Todo mundo sabe que o pagode é uma das minhas grandes paixões desde nova, então ver onde eu cheguei com o Numanice é muito gratificante. Eu sei que antes de mim vieram mulheres muito importantes e inspirações como Beth Carvalho, Leci Brandão, Dona Ivone Lara e Clara Nunes, e hoje eu quero poder ampliar mais ainda esses espaços para as cantoras, compositoras, produtoras e instrumentistas. Fico muito feliz com os mais de 3 bilhões de streams e em saber que por onde eu passo o povo lota meus shows, as marcas chegam junto e a gente entrega um espetáculo completo”, comenta Ludmilla.

Inscrever-se na Newsletter

Written By

Jucilene, pernambucana, nascida em Recife. Formada em Produção Publicitária. Apaixonada por musica, filmes, séries e redes sociais.

Mais Populares

‘Depois da Meia-Noite’: protagonismo feminino brilha em trilha sonora de série dirigida por Rogério Gomes

Brasil

SextouMusical SextouMusical

#SextouMusical: Billie Eilish, Livinho, Ferrugem, Luan Pereira e muito mais!!

Lançamentos da Semana

Ludmilla e Daniel Caesar unem forças em ação de solidariedade antes de show no Vivo Rio

Brasil

Manu Bahtidão e Xand Avião emocionam com o single ’60 M²’

Brasil

Advertisement
Inscrever-se na Newsletter

Copyright © PopNow 2017 - 2023. Todos os Direitos Reservados.

Connect
Inscrever-se na Newsletter