UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
...
Connect with us
https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js
MC Livinho. Foto: Divulgação

Funk

MC Livinho lança ‘Pare De Chorar, Mãe’, single dedicado às mulheres que perderam os filhos para o crime

MC Livinho. Foto: Divulgação

São incontáveis as mães brasileiras que sofrem e lamentam por seus filhos que vão para o mundo do crime. Também, infelizmente, são inúmeras as histórias que começam com o vislumbre de uma vida melhor e terminam em tragédia. O mais novo single de MC Livinho, “Pare de Chorar, Mãe”, traz uma reflexão sobre essas histórias com tantas semelhanças, sob o ponto de vista de quem entra para o crime.

A faixa chegou nas plataformas digitais nesta quinta-feira, 02 de junho, e o clipe será disponibilizado no canal do YouTube da Kondzilla às 21h de hoje.

O propósito de “Pare de Chorar Mãe” é fazer uma referência à realidade de muitos jovens que vivem na comunidade e que muitas vezes, por falta de perspectiva de um futuro digno, da desigualdade social, acesso à educação, entre outros fatores, entram para a vida do crime e das drogas. Ao mesmo tempo, a letra da canção fala das mães destes jovens, as que mais sofrem com essas tragédias tão comuns nas grandes cidades.

MC Livinho. Foto: Divulgação

Em suas redes sociais, Livinho emocionou seus seguidores com vídeos nos quais mães reais contam as suas histórias, sob lágrimas, e como tentaram evitar que o pior acontecesse. Uma das mães retratadas, Virgínia, afirma que seu filho Vagner Daniel esteve 26 vezes em unidades da FEBEM, atual Fundação Casa. “Eu falava ‘Meu filho, cuidado, meu filho. Você sabe qual é o final’, conta ela.

O single retrata ainda como estes jovens tornam-se reféns dos luxos desse universo, cegos pela ostentação e pelas ilusões, que trazem por consequência prisões, acidentes, overdoses e o sentimento de angústia que acomete seus entes queridos. Movidos pela lealdade e amor incondicional por suas mães, muitos dos que já imergiram no mundo do crime decidem se dar uma nova chance, tomando coragem para sair deste cenário, e assim, escrever uma nova história.

Minha maior inspiração é conscientizar e trazer uma reflexão na cabeça do ouvinte, de que esse mundo não vale a pena. Já soube de tantas histórias lamentáveis e isso me incentivou a criar todo esse projeto, com a música e os vídeos promovendo as mães nas redes sociais”, comenta Livinho. “Espero que esse apelo chegue ao máximo de pessoas possíveis. Para qualquer pessoa que esteja indo para o caminho errado, ainda dá tempo de se endireitar e mudar de vida”.

Reconhecido pela mídia como um dos principais nomes do estilo musical, por renovar o mercado do funk com romantismo e musicalidade própria, MC Livinho foi o 1º cantor de funk carioca a atingiu a marca de 200 milhões de views na história do YouTube, com o seu hit “Mulher Kama Sutra”, lançado em 2014. Multifacetado, sua paixão pela música vai além do funk. Cantor e compositor, o artista ainda toca violino e surpreende com suas performances. Atualmente, soma uma grande lista de sucessos e bilhões de streams e views em seus trabalhos, como “Cheia de Marra”, “Fazer Falta”, “Tudo de Bom” e muitos outros.

LETRA:
 

PARE DE CHORAR MÃE

Referência pro ser

Pra quem tá de fora

Hoje tô por aqui

Amanhã só memórias

Uns tem o que quiser

Eu já nem tive nada

Só cicatrizes na minha pele

Uma mente perturbada

Nunca tive pai pra levar jogar bola ou ir assistir

Empinar pipa, criar brincadeiras pra me ver sorrir

Coisas tão simples, como um ter um pai pra me buscar na escola

Dava sinal todos iam pra casa e eu pra pedir esmola

Minha mãe disfarçada ficava com fome, só pra eu comer

Um prato na mesa e as lágrimas dela não pude conter

Parente de sangue da mesma família, nem perto chegava

Cresci pelo beco vendo varias fita, eu observava

Pare de chorar mãe

Nois vai se levantar mãe

Se vai se orgulhar mãe

Daquele moleque que a senhora viu crescer

2x

Meu diploma de ladrão, comecei a engrenar

E os menor no mercadão, não parava de furtar

Já queria traficar, foi crescendo na idade

Viram em mim um potencial, um campana qualidade

13 anos já tinha assinado, 155, 157

Com 16 meu caixa forrado

Tive uma falcon, uma hornet

Eu tinha quase tudo que eu queria

Só não tinha o sorriso da veinha

Dinheiro, drogas e putas persistia

A ilusão parece preenchia

No último dia do assalto contra VT revidei

Tomei dois tiro nas costas deitado no chão fiquei

Olhava pro céu e pedia perdão

Minha mãe no hospital segurava minha mão

Pedindo pro médico uma solução

Apenas pra Deus que seja uma lição

Pare de chorar mãe

Eu vou me levantar mãe

Se vai se orgulhar mãe

Daquele moleque que a senhora viu crescer

Viu crescer, viu falar, aprender, caminhar

Vou viver pra contar o destino um dia

Pra quebrar e comprar, consciência passar

A vida de ilusão faz refletir e acabar

SHOPPING

Inscrever-se na Newsletter

Written By

Jucilene, pernambucana, nascida em Recife. Formada em Produção Publicitária. Apaixonada por musica, filmes, séries e redes sociais.

Mais Populares

Anitta. Foto: Divulgação Anitta. Foto: Divulgação

Anitta lança novo perfume íntimo ‘Puzzy by Anitta’

Brasil

Van Gogh. Foto: Divulgação Van Gogh. Foto: Divulgação

Exposição Van Gogh Live 8K já está em cartaz no Rio; saiba mais

Notícias

Mari Fernandez Mari Fernandez

“Eu Quero Recair” é último lançamento do DVD de Mari Fernandez feat Simone & Simaria

Brasil

Anitta. Foto: Divulgação Anitta. Foto: Divulgação

Anitta e Cimed lançam perfume íntimo, ‘Puzzy by Anitta’

Brasil

Advertisement
Inscrever-se na Newsletter

Copyright © PopNow 2017 - 2022. Todos os Direitos Reservados.

Connect
Inscrever-se na Newsletter

Skip to content