UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
Connect with us
https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js
HeyDoc!

Eletrônica

Com a presença da percussão do samba, HeyDoc! lança ‘Melody’ e fala sobre o novo single e carreira

Com a presença da percussão do samba, HeyDoc! lança 'Melody' e fala sobre o novo single e carreira

HeyDoc! é um produtor musical e DJ de 22 anos que atua no cenário da música eletrônica nacional e internacional. Considerado como um novo representante brasileiro de peso na Bass House, chegou nesta sexta-feira (19), com mais uma track pela gravadora gringa PMP Records. Intitulada “Melody”, o DJ resolveu experimentar uma sonoridade diferente, baseada num grande ritmo brasileiro: a percussão do samba. O single conta com toda a energia e animação necessária para casar perfeitamente com as batidas mais pesadas da música eletrônica.

A produção traz vocais distorcidos em todas as partes do arranjo, se aproximando a um instrumento de cordas. E é exatamente a melodia criada no processo de modificação das vozes que deu o nome a música. E para falar um pouco mais sobre seu novo single, carreira e muito mais, o PopNow, bateu um papo com o HeyDoc!.

Confira a entrevista na íntegra:

Popnow: Hoje você chegou com single “Melody”, trazendo a sonoridade baseada na percussão do samba, um ritmo que carrega energia e animação. Conta mais sobre esse track. Como foi trazer o arranjo do samba?

Heydoc!: Alguns meses antes de fazer a track, pesquisei muito para encontrar algum sample ou elemento de música brasileira para começar alguma track. O que deu mais certo foi a percussão, que encaixou perfeitamente com os “Breaks” que faço na segunda metade dos drops.

Ouça:

Popnow:  A música é a grande quebra de barreiras e traz essa possibilidade de unirmos vários ritmos em um só som. Qual outro gênero musical que tem vontade de experimentar em suas faixas?

Heydoc!: Futuramente vou lançar várias tracks com vários ritmos implementados. Desde hip-hop, até funk.

Popnow: Como começou seu contato com a música e quando surgiu seu interesse pelo ritmo eletrônico?

Heydoc!: Sou Instrumentista desde os dez anos. Meu primeiro contato com música eletrônico foi com “Scary Monsters & Nice Sprites” Skrillex. Meu primeiro projeto de eletrônica foi de Dubstep e Trap. Anos depois que fui descobrir o Future house do Tchami, Malaa e Funkin Matt e começar a fazer house music.

Popnow: Você considera, a música como “medicamento para a mente” e nesse período que estamos vivendo de isolamento. Como está observando a importância da música e como vê a parte em conectar pessoas que estão distantes?

Heydoc!: Durante essa quarentena tenho visto que as pessoas passaram muito mais a consumir e apreciar a música. DJ’s passaram a fazer lives e interagir com o chatroom, os suportes entre dj’s tem sido mais amplo. Nesses momentos difíceis, a música realmente demonstra que ela é uma forma de terapia e empatia.

Popnow:  Como não estamos tendo shows ainda, como você vem procurando manter o contato com o público, durante esse período de quarentena?

Heydoc!: Eu tenho me atentado muito às redes sociais e a qualidade das minhas músicas, para mim, essa é a melhor forma de manter o contato.

Popnow: Você traz um estilo próprio marcado pelo Bass House. Como é seu processo criativo e como é lançar produções feitas por você mesmo?

Heydoc!: Meu processo criativo gira muito em cima de achar um grave bom e umas samples de qualidade, o resto vem junto. Eu não poderia ser dj sem fazer minhas próprias músicas, pois assim eu não teria uma forma forte o suficiente para me expressar como quero.

Popnow: Quais são suas principais inspirações?

Heydoc!: Minhas principais inspirações são os DJ do Bass House Francês, basicamente todos os lançamentos de tchami, malaa e da confession.

Popnow:  Qual seu maior sonho de feat brasileiro e internacional? Como imagina as tracks dessas parcerias?

Heydoc!: No Brasil atualmente tenho muita vontade de fazer uma track com o Mkjay. Assim como eu ele tem dado uma diferenciada enorme na cena, trazendo o UK garage e bass house para Brasil. Já no mercado internacional, eu gostaria muito de colaborar com o Honey & Badger. Ele simplesmente é o melhor em fazer percussão com aquele groove diferenciado, a track ficaria impossível de não dançar.

Popnow:  Para um artista novo, atingir o Top 5 Future House nos charts do Beatport, com as tracks “Mind Effect” e “Tech Bits” é um marco muito importante. Qual a próxima coisa que deseja alcançar?

Heydoc!: Eu adoraria receber suporte de alguns dos artistas maiores que sigo, como alguns dos que já citei. Também tenho planos de alcançar o top 1 bass house releases com um EP.

Popnow:  Com tantos festivais de música eletrônica pelo mundo. Qual palco você se vê tocando?

Heydoc!: São tantos palcos maravilhosos por aí, mas alguns que me chamam mais atenção são o Ultra, Tomorrowland, EDC, lollapalooza…

Popnow:  Quais seus próximos planos para o ano de 2021?

Heydoc!: Meus planos para 2021 são de continuar elevando minhas produções e planejando o retorno das festas.

SHOPPING

Inscrever-se na Newsletter

Carolina Didonet
Written By

Jornalista, 23 anos e canceriana. Apaixonada por séries e filmes de super-heróis, mas que não dispensa uma comédia romântica/drama com final previsível. Não vivo sem música e minha playlist é aquela que toca de tudo. SEM BRINCADEIRA! O próximo passo é trabalhar com entretenimento e cobrir os festivais por aí.

Mais Populares

Tênis exclusivo de Lil Nas X com sangue de verdade, esgota em menos de 1 minuto

Rap/Hip Hop

Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Michael B. Jordan estrela novo filme do Prime Vídeo, confira o trailer e data de estreia

Filmes

Foto: Reprodução/Instagram Foto: Reprodução/Instagram

Pocah quebra contrato para entrar no BBB e deve pagar divida milionária; entenda

#BBB

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

BTS anuncia datas de lançamentos de novo álbum e nova musica ‘Film Out’; confira

Pop

Advertisement
Inscrever-se na Newsletter

Copyright © PopNow 2017 - 2021. Todos os Direitos Reservados.

Connect
Inscrever-se na Newsletter