UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
Lady Gaga. Foto: Reprodução/Instagram (@starisbonmovie)
Cinema

Repleto de militância e apoio à imigrantes, Oscar consagra vencedores

Foto: Reprodução/Instagram (@starisbonmovie)

A maior premiação do cinema mundial, os Academy Awards coroaram, na noite deste domingo, 24, os grandes vencedores do Oscars, prêmio entregue pela Academia de Artes Dramáticas de Hollywood. Com grandes nomes concorrendo nas mais diversas categorias, o evento contou com a presença dos maiores artistas da indústria, em cerimônia realizada no icônico Dolby Theater, na Califórnia, EUA.

Dentre os vencedores estão Rami Malek, norte-americano descendente de egípcios, vencedor na categoria de “Melhor Ator” por seu papel em “Bohemian Rhapsody“, filme em que interpreta o icônico cantor Freddie Mercury, líder do Queen. Já Lady Gaga é outra que tem um Oscar para chamar de seu. Feito para poucos artistas, a vencedora do Grammy desbancou consagrados compositores na categoria “Melhor Canção Original” pelo sucesso mundial “Shallow“, trilha sonora do filme “Nasce Uma Estrela“.

O quinto mexicano seguido, nos últimos seis anos, a receber um Oscar de “Melhor Diretor“, Alfonso Cuarón fez história ao consagrar “ROMA“, filme da Netflix em que conta, basicamente, sua história em um bairro da Cidade do México chamado Roma, filmado em espanhol e em preto e branco.

Já o melhor filme do ano, “Green Book: O Guia“, grande sucesso de 2018, foi considerado vencedor na categoria “Melhor Filme“, deixando de lado sucessos como “Pantera Negra” e “VICE“.

Militância

Se em 2018, os pedidos eram por igualdade de gênero em Hollywood, 2019 foi um ano mais que especial.

A cerimônia que, na primeira vez desde (1989), não contava com um apresentador fixo, fez de 2019 um ano icônico e que fica na memória. Em meio à instabilidade política causada pelo presidente americano Donald Trump, que vem ultrapassando barreiras e avançando com sua finalidade de construir um muro entre os EUA e o México, recebeu desapoio e uma série de movimentos contrários ao seu ideal.

Conhecido por ser um dos países mais miscigenados e construído do zero por imigrantes de todos os cantos do mundo, os EUA tem tido, com Trump, uma política de não-aceitação de emigrantes, que ficam retidos antes de serem extraditados à seus países de origem. A política arbitrária do presidente tem recebido, tanto da mídia quanto da opinião pública, claras opiniões contrárias.

Vencedores e discursos

Em 2019, grandes nomes da indústria concorreram com artistas completamente desconhecidos do público nas mais diversas categorias. Lady Gaga, famosa por sua voz e irreverência, viu nos cinemas o retorno à reascensão meteórica de sua carreira perante o insucesso de seus últimos álbuns, “ARTPOP” e “Joanne“. Com “Shallow“, a cantora, não apenas entrou na seleta lista de vencedores, como se tornou uma das poucas cantoras à levar uma estatueta para casa, se unindo à nomes como Celine Dion e Barbra Streisand.

Em seu discurso motivador, a estrela não deixou de lado sua parte humana, e falou sobre não desistir.

“Não é sobre ganhar. É sobre não desistir. Não é sobre quantas vezes você é rejeitada, mas quantas vezes você vai em frente” – Lady Gaga.

Mahershala Ali, o primeiro muçulmano a ganhar um Oscar, repetiu o feito de 2017 e foi vencedor na categoria de “Melhor Ator Coadjuvante“, por “Green Book: O Guia”.

Mas as duas grandes surpresas estiveram em duas das categorias principais. Cotadas para vencedoras como “Melhor Atriz“, Glenn Close e Lady Gaga perderam para Olivia Colman, por “A Favorita”.

Já “Green Book: O Guia“, o “Melhor Filme“, superou o favorito “ROMA” e os sucessos mundiais “Nasce Uma Estrela” e “Pantera Negra“.

Veja a lista completa de vencedores:

Melhor Filme

“Pantera Negra”

“Infiltrado na Klan”

“Bohemian Rhapsody”

“A Favorita”

“Green Book — O Guia”  

“ROMA”

“Nasce Uma Estrela”

“Vice”

Direção

Spike Lee, por “Infiltrado na Klan”

Pawel Pawlikowski, por “Guerra Fria”

Yorgos Lanthimos, por “A favorita”

Alfonso Cuarón, por “Roma”

Adam McKay, por “Vice”

Atriz

Yalitza Aparicio, por “ROMA”

Glenn Close, por “A Esposa”

Olivia Colman, por “A Favorita”

Lady Gaga, por “Nasce Uma Estrela”

Melissa McCarthy, por “Poderia Me Perdoar?”

Ator

Christian Bale, por “Vice”

Bradley Cooper, por “Nasce uma estrela”

Willem Dafoe, por “No portal da eternidade”

Rami Malek, por “Bohemian Rhapsody”

Viggo Mortensen, por ‘Green book”

Roteiro adaptado

“A balada de Buster Scruggs”

“Infiltrado na Klan”

“Poderia me perdoar?”

“Se a rua Beale falasse”

“Nasce uma estrela”

Roteiro original

“A favorita”

“First reformed”

“Green book — O guia”

“Roma”

“Vice”

Atriz coadjuvante

Amy Adams, por “Vice”

Marina de Tavira, por “Roma”

Regina King, por “Se a rua Beale falasse”

Emma Stone, por “A favorita”

Rachel Weisz, por “A favorita”

Ator coadjuvante

Mahershala Ali, por “Green book”

Adam Driver, por “Infiltrado na Klan”

Sam Elliott, por “Nasce uma estrela”

Richard E Grant, por “Poderia me perdoar?”

Sam Rockwell, por “Vice”

Direção de arte

“Pantera Negra”

“A favorita”

“O primeiro homem”

“O retorno de Mary Poppins”

“Roma”

Fotografia

“Guerra fria”

“A favorita”

“Never loook away”

“Roma”

“Nasce uma estrela”

Filme estrangeiro

“Cafarnaum” (Líbano)

“Guerra fria” (Polônia)

“Never look away” (Alemanha)

“Roma” (México)

“Assunto de família” (Japão)

Longa de animação

“Os Incríveis 2”

“Ilha dos cachorros”

“Mirai”

“Wifi Ralph”

“Homem-Aranha no Aranhaverso”

Figurino

“A balada de Buster Scruggs”

“Pantera Negra”

“A favorita”

“O retorno de Mary Poppins”

“Duas rainhas”

Edição de som

“Pantera Negra”

“Bohemian Rhapsody”

“O primeiro homem”

“Um lugar silencioso”

“Roma”

Mixagem de som

“Pantera Negra”

“Bohemian Rhapsody”

“O primeiro homem”

“Roma”

“Nasce uma estrela”

Curta de animação

“Animal behaviour”

“Bao”

“Late afternoon”

“One small step”

“Weekends”

Curta-metragem

“Detainment”

“Fauve”

“Marguerite”

“Mother”

“Skin”

Trilha sonora

“Pantera Negra”

“Infiltrado na Klan”

“Se a rua Beale falasse”

“Ilha dos cachorros”

“O retorno de Mary Poppins”

Efeitos visuais

“Vingadores: Guerra Infinita”

“Christopher Robin: Um reencontro inesquecível”

“O primeiro homem”

“Jogador nº 1”

“Han Solo: Uma história Star Wars”

Montagem

“Infiltrado na Klan”

“Bohemian Rhapsody”

“A favorita”

“Green book”

“Vice”

Maquiagem e cabelo

“Border”

“Duas rainhas”

“Vice”

Canção

“All the stars”, de “Pantera Negra”

“I’ll fight”, de “RBG”

“The place where lost things go”, de “O retorno de Mary Poppins”

“Shallow”, de “Nasce uma estrela”

“When a cowboy trades his spurs for wings”, de “A balada de Buster Scruggs”

Longa-documentário

“Free Solo”

“Hale County this morning, this evening”

“Minding the gap”

“Of fathers and sons”

“RBG”

Curta-documentário

“Black sheep”

“Endgame”

“Lifeboat”

“A night at the garden”

“Period. End of sentence”

SHOPPING

Repleto de militância e apoio à imigrantes, Oscar consagra vencedores

To Top