Frances McDormand discursa como Melhor Atriz. Foto: Divulgação.
Cinema

Oscar 2018: 90 anos do evento consagra melhores da indústria com mensagens de igualdade

Foto: Divulgação

No último domingo, 4, aconteceu em Los Angeles a grande festa do cinema: o Oscar, em sua a 90ª edição. Foi uma cerimônia bastante previsível, no geral, sem grandes surpresas. Ganhou quem esperava-se que ganharia.

Leia também: PopTeste: Qual filme do Oscar 2018 tem a ver com você?



Vamos conferir os resultados:

Dunkirk já chegou abocanhando os prêmios técnicos que lhe eram esperados: Melhor Edição de Som, Melhor Mixagem de Som e Melhor Montagem. Mas parou por aí, 3 prêmios. A equipe de Maquiagem de O Destino de uma Nação levou o prêmio na categoria, pelo trabalho de ter deixado Gary Oldman irreconhecível como Winston Churchill. Melhor Figurino foi para Trama Fantasma, filme que se passa no mundo da moda londrino.

Helen Mirren e Mark Bridges. Foto: Divulgação.

Helen Mirren e Mark Bridges. Foto: Divulgação.

Blade Runner 2049 levou duas estatuetas: Melhores Efeitos Visuais e Melhor Fotografia, esta última um momento icônico, em que o veterano Roger Deakins finalmente leva seu Oscar após treze indicações sem vitórias. Viva – A Vida É uma Festa ganhou Melhor Animação e Melhor Canção Original (“Remember Me”). Melhor Documentário foi para Ícaro, da Netflix.

A categoria Melhor Roteiro Adaptado consagrou o veterano James Ivory, de 89 anos, pelo seu trabalho no romance Me Chame Pelo Seu Nome. Em Roteiro Original, o vencedor foi Jordan Peele, pelo terror Corra!. O chileno Uma Mulher Fantástica, que tem uma atriz transsexual como protagonista, foi o vitorioso em Melhor Filme Estrangeiro.

James Ivory recebendo o Oscar. Foto: Divulgação.

James Ivory recebendo o Oscar. Foto: Divulgação.

As categorias de atuação saíram todas como o previsto. Duas delas coroaram atores de Três Anúncios para um Crime: Sam Rockwell, como Melhor Ator Coadjuvante, e Frances McDormand, como Melhor Atriz. Os outros agraciados pela Academia foram Allison Janney, por Eu, Tonya, como Melhor Atriz Coadjuvante, e Gary Oldman, por O Destino de uma Nação, como Melhor Ator (e o segundo prêmio do filme).

Equipe de A Forma da Água recebe o Oscar. Foto: Divulgação.

Equipe de A Forma da Água recebe o Oscar. Foto: Divulgação.

E o grande vencedor da noite foi A Forma da Água que, de suas 13 indicações, ficou com 4 prêmios: Direção de Arte, Trilha Sonora, Diretor (Guillermo del Toro) e, por fim, Melhor Filme.

Veja a lista completa dos vencedores!

Melhor Filme: A Forma da Água
Direção: Guillermo del Toro, A Forma da Água
Melhor Ator: Gary Oldman, O Destino de Uma Nação
Melhor Atriz: Frances McDormand, Três Anúncios para Um Crime
Melhor Ator Coadjuvante: Sam Rockwell, Três Anúncios para Um Crime
Melhor Atriz Coadjuvante: Allison Janney, Eu, Tonya
Roteiro Adaptado: Me Chame pelo Seu Nome
Roteiro Original: Corra!
Filme em Língua Estrangeira: Uma Mulher Fantástica (Chile)
Documentário: Ícaro
Animação: Viva – A Vida É uma Festa
Efeitos Visuais: Blade Runner 2049
Canção Original: Remember Me/Viva – A Vida É uma Festa
Trilha Sonora Original: A Forma da Água
Fotografia: Blade Runner 2049
Edição: Dunkirk
Maquiagem e Cabelo: O Destino de Uma Nação
Figurino: Trama Fantasma
Edição de Som: Dunkirk
Mixagem de Som: Dunkirk
Direção de arte: A Forma da Água
Curta de animação: Dear Basketball
Documentário em curta-metragem: Heaven Is a Traffic Jam on the 405
Curta-metragem: The Silent Child

Agora é esperar para ver o que 2018 nos reserva cinematograficamente!

Oscar 2018: 90 anos do evento consagra melhores da indústria com mensagens de igualdade
To Top