Pop

Madonna move processo judicial contra ex-amiga, e uma casa de leilões

Madonna está movendo um processo contra a ex-amiga, Darlene Lutz, e uma casa de leilões em  Nova York.  Darlene estaria leiloando pertences da cantora, sem autorização. Itens como; uma carta de amor de Tupac Shakur, a calça desgastada do cantor e uma escova para cabelo.

Madonna e o processo

A cantora pediu uma paralisação emergencial, para que os itens não fossem leiloados. Depois da tentativa,  novos papéis do tribunal, alegam que Madonna distribuiu livremente os itens.

“Eu era amigo da demandante Madonna e trabalhei como conselheiro de arte independente, ajudando-a a construir sua coleção de arte, entre 1983 e 2004”, diz o residente de Soho, de 62 anos, no processo.

“Como resultado da minha estreita relação com o autor, recebi certos [itens] diretamente dela”, diz Lutz nos jornais.

Quanto às roupas íntimas, Lutz diz que o ex-namorado do promotor do partido de Madonna, Peter Shue, colocou eles para leilão.

“Ele, não eu, consignou [a roupa íntima] para leilão”, diz Lutz.

Madonna disse que dos 128 itens consignados para leilão, 28 são de Darlene. E eles,  não estão dentro da legalidade.

https://www.instagram.com/p/BXN1mw6hHva/?taken-by=madonna

 

Madonna move processo judicial contra ex-amiga, e uma casa de leilões
To Top