UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
#TBT

#TBT Simple Plan: Veja a retrospectiva da banda!

Foto: Divulgação

PUBLICIDADE

Por: Thuane Kuchta

Quinta-Feira é dia de #TBT e hoje vamos relembrar a carreira de 5 meninos muito carismáticos que estamparam posters de muitos quartos lá em 2005.

Eles mesmo, que fazem parte de um plano simples que deu muito certo!

Simple Plan GIF - Find & Share on GIPHY

A história do Simple Plan começa nos anos 90 em Montreal, quando o baterista Chuck Comeau e o vocalista Pierre Bouvier tinham 13 anos e decidiram montar uma banda de punk rock intitulada “Roach”.

A banda não foi lá muito bem, mas abriu as portas para que novas formações fossem feitas e, no fim, nascesse o Simple Plan que conhecemos hoje, formado por Pierre (vocal), Chuck (bateria), Jeff Stinco (guitarra), Sebastien Lefebvre (guitarra) e David Desrosiers (baixo).

Foto: spnobrasil.com.br

Mas o álbum da banda, “No Pads, No Helmets Just Balls”, só viria em 2002. Gravado em Toronto, continha participações mais que especiais – incluindo Joel Madden, do Good Charlotte, e Mark Hoppus, do Blink 182.

Foto: spnobrasil.com.br

O CD que exibia essa capa – mais teen impossível – conquistou um belo público. Mas a melhor fase dos meninos ainda estava por vir!

E você sabia que o Simple Plan esteve presente por 5x na história do lendário Scooby Doo? Eles fizeram parte da trilha sonora de dois filmes, do desenho e de um recente musical inspirado no desenho. Os meninos ainda chegaram a ganhar um episódio exclusivo com eles em “A banda Simple Plan e o Maluco invisível”. Assista a um pedacinho aqui:

E olha mais uma curiosidade da trajetória do SP, eles aparecem no filme “No Pique de Nova York” – aqueles maravilhosos de sessão da tarde – com as gêmeas Olsen!

Em 2004, foi a vez de “Still Not Getting Any” ser lançado no dia 26 de outubro. A partir daí o quinteto canadense se tornou ainda mais conhecido e querido, mas no Brasil o negócio foi estrondoso! Quem aí não se lembra de ligar o rádio e se deparar com “Perfect”, “Welcome To My Life” ou “Crazy”? Trilha sonora perfeita para “Briguei com meus pais/ Ninguém gosta de mim/ Terminei um relacionamento”.

E que tal essa versão que sempre rolava na MIX TV?

Choremos:

E foi todo esse sucesso que trouxe a banda para o nosso país no ano posterior.

E para os fãs mais apaixonados, se liguem nessa setlist do Mix Festival em São Paulo de 2005 – diretamente do túnel do tempo do PopNow:

Shut up / Jump / The Worst Day Ever / Addicted / Me Against The World / Crazy / Grow Up / God Must Hate Me / Happy Together / Thank You / Welcome To My Life / Promise / Perfect World /Drop It Like I’ts Hot / P.I.M.P. (Cover do Snoop Dogg) / I’m Just a Kid / Untitled / I’d Do Anything / Perfect.

Dois anos depois, mais precisamente, no dia 18 de Janeiro de 2007, a banda surpreendeu à todos ao fazer um show exclusivo para os confinados do Big Brother Brasil (isso mesmo que você leu – e temos provas logo abaixo!). E você acha que eles se limitaram só a propagar a palavra “Emo” em rede nacional? Pois eles também se divertiram de monte se jogando na piscina e tudo.

Foto: spnobrasil.com.br

E é claro, que a banda também se apresentou no Rio de Janeiro e em São Paulo para nada menos que 15 mil pessoas.

Quase um mês depois de sua vinda ao Brasil, a banda deu um belo presente aos seus fãs com o lançamento de um CD ao vivo. Com o nome de “MTV Hard Rock Live” foi lançado em duas edições especiais, uma delas sendo de colecionador que continha CD, DVD, um botton, um patch e um livro de bolso com fotos do show.

Falando em bottons…

 

Quem lembra?

No dia 12 de fevereiro de 2008 foi lançado o terceiro álbum do grupo que levava o nome da banda, e que teve sua capa decidida por votos pela Internet, para ver qual os fãs preferiam. Legal né?

Em 2011, a banda lançou seu quarto álbum “Get Your Heart On!”. O CD ganhou muitas críticas positivas e contou com três singles: Jet Lag, Astronaut e Summer Paradise. E em 2013, veio sua continuação, o “EP Get Your Heart On – The Second Coming!”

O último álbum de Pierre e cia, é o “Taking One For The Team”, de 2016.

E em clima de pura nostalgia, Simple Plan anunciou em janeiro do ano passado que daria início a uma série de shows em comemoração aos 15 anos do lançamento de seu primeiro álbum, anunciando cinco shows no Brasil (sim, eles nos amam!).

Mas sem a presença de David, baixista da banda, que disse em entrevista estar sofrendo com depressão. Melhoras, Dave! #HereforDavid

Veja algumas fotos dos meninos no show do último domingo (27), em São Paulo:

View this post on Instagram

The show in São Paulo last night was EVERYTHING! There’s no better feeling than traveling to one of the coolest city in the world and playing in front of a sold out, passionate and beautiful crowd like we did yesterday! It was so special meeting all of you at the airport, the hotel and outside the venue and listening to all your beautiful voices singing our songs. The show was so crazy, we even had a wedding proposal on stage! 💍 💍 💍 Swipe to see all the madness and Obrigado once again for all your love and support, Brazil! We love you! 🇧🇷🇧🇷🇧🇷 P.S.: Happy Memorial Day to all our fans, friends and family back in the United States. 🇺🇸🇺🇸🇺🇸 📸: @timoteco

A post shared by Simple Plan (@simpleplan) on

Simple Plan se apresenta amanhã (01)  no Ginásio Municipal Tancredo Neves (Arena Sabiázinho), em Uberlândia.

 

SHOPPING

#TBT Simple Plan: Veja a retrospectiva da banda!

To Top