PopEntrevista

PopEntrevista: Diogo Piçarra

Vencedor do programa Ídolos de Portugal em 2012, Diogo Piçarra viu um mundo de novas oportunidades se abrirem. Tornou-se conhecido nacionalmente, se apresentou em várias cidades portuguesas, assinou contrato com a Universal Music em todo o mundo e viajou pela Europa para adquirir novas experiencias e se preparar para sua nova fase profissional. Se fixou em Londres, de onde voltou com muitas ideias e sonhos, antes de gravar seu primeiro CD.

Em março deste ano, Diogo lançou o segundo álbum, do=s, que também chegou ao topo das paradas de Portugal. O sucesso levou o cantor a uma das maiores turnês do ano, com mais de 70 shows no país, além de apresentações em Paris e Macau.

Em ampla ascensão na carreira, Diogo veio ao Brasil para gravar com o duo Anavitória, e bateu um papo bastante interessante com o PopNow.

Confira a entrevista:  

PopNow: Você foi vencedor do Ídolos, um dos programas de calouros mais famosos do mundo. Foi muito difícil? Como foi sua participação?

Diogo Piçarra
: Eu nunca quis participar dos programas de televisão porque não é o meu perfil. Como concorrente, minha voz não é daquelas vozes que encontramos as vezes numa audição do ‘X-Factor’, minha voz é um pouco mais simples, mais limitada, e eu sei disso. sempre me considerei mais escritor e compositor do que um grande cantor. Por isso nunca quis participar desses programas, portanto também não ia na TV e nunca achei que eu fosse um personagem para esse programa.

PopNow: Você acabou de lançar seu ultimo álbum e ele é mais íntimo. Você procura fazer parte de todo o processo, desde escrever as músicas até o processo de produção do álbum, você é um artista que gosta de se inteirar sobre a produção?

Diogo Piçarra: Sim, sempre fiz de tudo um pouco, sempre fiz assim, desde as versões dos covers no Youtube com meu irmão. Nós gravávamos sozinhos e eu editava no computador. Nunca esperei por ninguém porque sempre aprendi que ninguém dá nada a ninguém. E ainda hoje isso ainda acontece, faço os vídeos com meu irmão e ele faz as capas dos vídeos, faço a produção das minhas músicas, as letras. Sempre tento fazer de tudo um pouco e ser o responsável meu meu sucesso ou insucesso.

PopNow: Sobre sua parceria com a Anavitória, você é fã da dupla e veio ao Brasil para gravar o clipe com elas e a música. Como foi esse momento com elas?

Diogo Piçarra: O encontro com a Anavitória foi maravilhoso! Foi uma coisa surreal, parecia que eu estava num sonho, daquele que você conta pra alguém e realmente foi muito bom, e acho que esse também foi o sentimento delas. Elas procuraram artistas em Portugal e me enviaram o convite, e eu já as conhecia antes, então aceitei rapidamente. E cantar na vez do Tiago Iorc é também um grande privilégio, e eu espero conhecê-lo um dia também, espero conseguir essa oportunidade quando eu voltar ao Brasil. E foi uma grande honra ter cantado a música “Trevo” ao vivo com elas.

PopNow: Essa foi sua primeira vez no Brasil. Como foi seu primeiro contato com os fãs brasileiros?

Diogo Piçarra: Sim, foi a primeira vez que eu cantei no Brasil, é verdade. Foi uma coisa de outro mundo, foi um sítio pequeno mas nós tornamos aquilo gigante, acho que as pessoas que estavam lá também acharam muito bonito. Espero voltar um dia e fazer mais um show como esse. foi muito bom poder mostrar um pouco do meu trabalho. E também amei os fãs brasileiros que tive a oportunidade de conhecer, pessoas que nunca me viram ao vivo e que também estavam realizando um sonho. Vi várias meninas e rapazes que nunca tinham me visto ao vivo, e senti uma grande honra de fazer parte da história deles.

PopNow: O púbico brasileiro tem uma fama de ter um contato maior com o artista. Você conseguiu sentir isso?

Diogo Piçarra: Senti, e ainda estou sentindo! Tanto nas redes sociais e ao vivo eu sinto que o fã brasileiro é muito afável, gosta muito de abraçar, gosta muito de dizer, gosta muito de falar e estar sempre presente. Quando acabamos de filmar o clipe com a Anavitória, já tinham fãs dela na porta do local esperando por elas. Eu me senti muito bem aqui no Brasil, foi mesmo 5 estrelas, fui muito bem recebido e quero voltar com certeza!

PopNow: Quais outros artistas brasileiros você conhece e tem alguma vontade de trabalhar junto?

Diogo Piçarra: Eu conheço pouco dos músicos brasileiros, eu conheci a Anavitória e o Tiago Iorc como recomendação no Spotify. Mas não conheço outros, eles não chegam em Portugal. Houve uma época que passavam todos com Ivete, Daniela Mercury, mas agora nem tanto, o reggeaton tomou  conta do mercado. Mas é claro que eu gostaria de cantar com outros artistas brasileiros.

PopNow: Você é um pouco parecido com o Tiago Iorc, acho que já te disseram isso, certo?

Diogo Piçarra: Sim (risos), já disseram que pareço o Tiago Iorc, com o Maluma de aplique (risos), mas acho que é só por conta do cabelo mesmo e as tatuagens.

PopEntrevista: Diogo Piçarra
To Top