Rock in Rio

Os destaques da segunda semana do Rock in Rio

E assim se encerrou a edição do Rock in Rio 2017 na madrugada dessa segunda-feira, 25, e não poderia ter terminado da melhor maneira. O verdadeiro rock ‘n roll  tremeu e invadiu a Cidade do Rock  levando o público a loucura deixando a expectativas altas. O Portal PopNow reuniu os destaques. Confira:

Os destaques do primeiro final de semana do Rock in Rio

Melhor Show 

Aerosmith. Foto: Fernando Schlaepfer/I Hate Flash

O Aerosmith, uma das maiores bandas rock de todos os tempos, trouxe para o Palco Mundo um pouco do que fazem serem um dos melhores.  Tocando pela primeira vez no Rock in Rio a banda presentou os fãs com os hits ao longo da carreira .

Aerosmith voa no palco, eleva nível e se destaca entre as melhores apresentações do Rock in Rio

Melhor Show Nacional

Capital Inicial. Foto: Martini/I Hate Flash

Capital Inicial trouxe o bom e velho rock e uma apresentação impecável. A sétima passagem pelo Rock in Rio deixou mais uma marca registrada no festival. Dinho Ouro Preto, Yves Passarell e os irmãos Flávio e Fê contaram com público o tempo inteiro.

Capital Inicial faz show impecável e tem um dos públicos mais animados do Rock in Rio

Show Mais Performático 

Alice Cooper. Foto: I Hate Flash/Diego Padilha

Fogos, solos de guitarra cheio de marra, jogos de cenas, hard rock pesado, palhaços estiveram presentes na apresentação de Alice Cooper  que foi crescendo aos poucos e logo ganhou energia com emenda dos hits. Cooper apesar de não tem destaque no vocal fez sobrepor e utilizar muito bem os efeitos a seu favor.

Alice Cooper abre temporada de ‘rodas punk’ com fogo e energia ao lado de Arthur Brown

Show Previsível 

30 Seconds to Mars. Foto: Fernando Schlaepfer/I Hate Flash

30 Seconds to Mars foi uma das bandas mais aguardadas para o último dia de Rock in Rio, mas a apresentação lembrou muito a de 2013, mais uma vez Jared Leto saltou de tirolesa,porém a primeira vez deixou o público mais empolgado, tomou açaí, bandeira do brasil no palco e a setlist foi parecido com a última que só foi acrescentado a música “Walk on Water” lançada recentemente.

Thirty Seconds to Mars faz show alegre e conectado com público no Palco Mundo

Show mais Animado

RHCP. Foto: Paixão/I Hate Flash

Terceira passagem pelo festival, Red Hot Chilli Peppers subiu ao palco mundo e fechou com chave de ouro a edição 2017. Entraram super no clima e bem animado conquistando fácil o público. Anthony levou sua animação com suas dancinhas. O repertório do RHCP ficou com hits da banda e trouxe somente três músicas do novo álbum “The Getaway”.

Red Hot Chili Peppers encerra Rock in Rio 2017 em grande estilo e com muita animação

Show Histórico

Foto: Diego Padilha/I Hate Flash

Guns N’ Roses fez história no Rock in Rio mil vezes melhor que nas outras edições a banda norte-americana trouxe um repertório de 32 músicas, tocando por 3 horas e 30 minutos de um show insano e com a formação original  – Axl, Slash e Duff. O repertório teve surra de hits fazendo um show a altura de Guns de 1991.

Guns N’ Roses faz história com show alucinante no Rock in Rio

Show Revelação

The Who. Foto: Fernando Schlaepfer/I Hate Flash

The Who tira o atraso de 53 anos e finalmente estreou no Rock in Rio, e eles vieram com um show intenso e bem energético colocando o público para cima e deram um presentão para os fãs que esperaram esse dia com nunca. Pete Townshend subiu ao palco falando vários “Funk Funk Funk” “Vai ser uma grande noite” e The Who fez por merecer o lugar privilegiado no palco mundo.

The Who enlouquece plateia em sua primeira passagem pelo Rock in Rio

O que foi esse RiR 2017, já estou sentindo saudade. Começando a contar para a próxima edição de 2019. Se essa já veio com tudo imagina a próxima.

 

 

 

 

 

 

 

Os destaques da segunda semana do Rock in Rio
To Top