UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
Pop

Miley Cyrus estrela ‘ELLE’ e fala sobre ‘She Is Coming’

PUBLICIDADE

A cantora está na capa de agosto da revista “ELLE” norte-americana, junto as fotos ela também falou sobre seus trabalhos na música e nas telas.

Na entrevista com Elle, a cantora revelou :

“Meu álbum se chama ‘She is Miley Cyrus’. O ‘Ela’ não representa um gênero. Ela não é apenas uma mulher. ‘Ela’ não se refere à vagina. Ela é uma força da natureza. Ela é poder. Ela pode ser o que você quiser, então ela é tudo. Ela é super ela. Ela é a super heroína. Ela é a comandante” – Miley

PUBLICIDADE
Ver essa foto no Instagram

@ELLEusa August cover! Link in bio! 🖤

Uma publicação compartilhada por Miley Cyrus (@mileycyrus) em

Até o momento apenas um dos três EPs prometidos, e que formam o “She is Miley Cyrus”, foi lançado. Miley ainda lamentou a expectativa colocada em cima da mulher:

“Nós esperamos que a população do planeta continue crescendo. E quando isso não é parte dos nossos planos ou propósito, há muito julgamento e ódio que eles tentam criar leis para manter ou mudar isso e te pressionar – mesmo quando você está grávida em uma situação violenta. Se você não quer filhos, as pessoas sentem pena de você, como se você fosse uma pessoa fria, sem coração que não é capaz de amar”, afirmou. “Por que fomos ensinadas que o amor é colocar você em segundo e aqueles que amamos em primeiro? Se você se ama, então o que? Você vem primeiro” – Miley Cyrus

Ver essa foto no Instagram

@ysl @anthonyvaccarello

Uma publicação compartilhada por Miley Cyrus (@mileycyrus) em

Sobre relacionamentos, em especial com o marido Liam Hemsworth, ela disse:

“Acho que é muito confuso para as pessoas que eu esteja casada. Mas meu relacionamento é único. E eu não acredito que permitiria publicamente que as pessoas participassem porque é complexo, e moderno, e novo que eu não sei se estamos em um momento que as pessoas o entenderiam. Quer dizer, as pessoas realmente esperam que eu esteja em casa fazendo o jantar? Estou em um relacionamento hétero, mas sexualmente ainda sou atraída por mulheres. As pessoas se tornam vegetarianas por razões de saúde, mas bacon é tão bom, e eu sei disso. Eu fiz uma decisão com meu parceiro. Esta é a pessoa que eu sinto que mais me apoia. Eu realmente não me encaixo em um esterótipo de papel de esposa. Eu nem gosto desta palavra”. “[Meus pais] sempre foram parceiros. É por isso que eu gosto desta palavra. “Marido e esposa” parece comercial de cigarros dos anos 1950, pra mim” – Miley

Ver essa foto no Instagram

She Is Coming to @elleusa 🖤 @mario_sorrenti @ninagarcia #stephengan

Uma publicação compartilhada por Miley Cyrus (@mileycyrus) em

De acordo com a revista, outra palavra que a cantora odeia “egoísta“, ainda mais quando ela é usada para julgar as mulheres e suas escolhas.

“As pessoas acham que temos que encher o mundo de pessoas. E quando isso não está nos nossos planos, elas ficam tão bravas e julgam tanto que começam a fazer leis para forçar que você faça isso – mesmo que você fique grávida em uma situação violenta” – Cyrus

“Se você não quer ter filhos, as pessoas se sentem mal por você, como se você fosse uma mulher fria e sem coração que não é capaz de amar”. “Por que somos ensinadas que amar é colocar você mesma em segundo lugar? Se você se ama, você vem em primeiro lugar”. – Miley

Esse amor próprio e o empoderamento foram o que inspiraram Miley a criar o seu sétimo álbum, She Is Miley Cyrus (“Ela é Miley Cyrus“, em português).

“‘Ela’ não representa um gênero. ‘Ela’ não é uma mulher. ‘Ela’ não se refere a uma vagina. Ela é uma força da natureza. Ela é poder. Ela pode ser o que quiser, então, ela é tudo” – Miley

E Cyrus também revelou que gosta de ter voltado a ser mais ousada em suas canções.

“No momento em que eu estou em minha vida, eu me sinto o mais poderosa que já fui. Eu gosto do jeito que me sinto quando sou mais sexual, mas eu não faço isso pelos homens”. “Eles não podem ter o prazer de achar que as decisões que eu tomo em minha carreira são para eles terem mais prazer. Eu não acho que um cara vai comprar o meu álbum porque ele me acha gostosa. Isso não me ajuda” – Miley

E antes de Miley começar a pensar em maternidade, ela está focada em ajudar o planeta:

“Nós fazemos com o planeta o que fazemos com as mulheres. Nós só pegamos tudo e esperamos que ele continue produzindo. Ele está exausto. Não consegue mais produzir”. “Nós estamos deixando o planeta péssimo e eu me recuso a dar ele assim para as minhas crianças. Até que eu saiba que os meus filhos poderão ver peixes na água, eu não vou trazer outra pessoa para lidar com isso”.

A cantora ainda citou “Black Mirror” para cutucar a indústria.

“A personagem sou eu. Eles transformaram como eles sempre fazem, mas a indústria é pesada. Alguns momentos eu definitivamente me senti como Ashley O. Ainda sinto. Fazer esse disco, me senti como Ashley O algumas vezes” – Miley

Na entrevista, Miley disse que já tentou fazer terapia.

“As pessoas dizem ‘você provavelmente está paranoica por causa da maconha’. E é ‘não, eu me sinto paranoica porque há drones no meu quintal”. – Cyrus

SHOPPING

Miley Cyrus estrela ‘ELLE’ e fala sobre ‘She Is Coming’
To Top