Elba Ramalho. Foto: Divulgação
Brasil

Elba Ramalho e mais! Veja as atrações da semana no Imperator

Foto: Divulgação

18 de abril – QUARTAS BRASILEIRAS recebe MÁRCIO GREYCK

Marcio Greyck. Foto: Divulgação

Marcio Greyck. Foto: Divulgação

Sinopse:

Márcio Greyk e banda apresentam o show “No tempo, no ar e no coração”. Uma apresentação mais que especial, que marcará os seus 50 anos de carreira. No repertório, canções como O Infinito, O Mais Importante é o Verdadeiro Amor, Minha Menina, Aparências, O Travesseiro, Reencontro Entre Outros. Incluindo no roteiro um bloco de canções de Roberto Carlos e outro dos Beatles, referências para o artista.

De Belo Horizonte para o palco do Imperator – com muita alegria e expectativa de encontrar fãs e o público carioca – o cantor e compositor Márcio Greyk chega ao Méier em abril. Com a sua banda, apresenta o show “No tempo, no ar e no coração”, onde cantará e reviverá os seus grandes sucessos. Márcio preparou um show especial que marcará os seus 50 anos de carreira e apresentará sucessos, como O Infinito, O Mais Importante é o Verdadeiro Amor, Minha Menina, Aparências, O Travesseiro, Reencontro Entre Outros. Incluindo no roteiro um bloco de canções de Roberto Carlos e outro dos Beatles, referências para o artista.

Serviço:

Evento: QUARTAS BRASILEIRAS recebe MÁRCIO GREYCK

Data: 18 de abril

Horário: Quarta-feira, às 16h | Abertura da casa: 1h antes do evento

Local do Evento: IMPERATOR – CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA  Teatro

EndereçoRUA DIAS DA CRUZ, 170 – MÉIER

Valor do Ingresso: Plateia inferior e balcão – R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meia)

Local de venda: Bilheteria do Centro Cultural, Quarta: 13h às 20h30; Quinta a sábado: 13h às 21h30; Domingo: 13h às 19h30. Ou através do site ingressorapido.com.br

Forma de pagamento para o evento: dinheiro e cartões Dinners, Master (débito e crédito), Visa (débito e crédito) e Vale Cultura.

Classificação: Livre

Informações: (21) 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h). Exceto Feriados.

www.imperator.art.br

19 de abril – ELBA RAMALHO – CARNAVAL DO BRASIL

Elba Ramalho. Foto: Divulgação

Elba Ramalho. Foto: Divulgação

Sinopse:

Os ritmos, as fusões, as influências e tudo o mais que signifique estar de bem com a música está no espetáculo “O Carnaval do Brasil”. O Brasil é um país tão grande que está repleto de outros “Brasis”. Elba pretende mostrar um vasto panorama dos ritmos que predominam nas maiores festas do nosso imenso país. Embora estejamos no país do carnaval, o espetáculo também abre espaço para as canções e sucessos que marcam a trajetória de uma das maiores artistas da nossa MPB.

Elba Ramalho,a filha do nordeste brasileiro, nascida no alto sertão da Paraíba, teve a sorte de ter um pai músico, que a despertou cedo para a música. Criando-se no Nordeste, Elba teve como cartilha os mais diversos ritmos dessa ensolarada região: baião, maracatu, xote, frevo, pastoril, caboclinhos e forrós. Gêneros musicais que preservam a cultura popular e influenciaram toda a música brasileira.

Os ritmos, as fusões, as influências e tudo o mais que signifique estar de bem com a música está no espetáculo “ O Carnaval do Brasil “. O Brasil é um país tão grande que está repleto de outros “ Brasis”. Elba pretende mostrar um vasto panorama dos ritmos que predominam nas maiores festas  do nosso imenso país. Embora estejamos no país do carnaval, o espetáculo também abre espaço para as canções e sucessos que marcam a trajetória de uma das maiores artistas da nossa MPB.

Banda:

Marcos Arcanjo – Violão/ Guitarra

Rafael Meninão – sanfona

Fofão – contra baixo

Anjo Caldas –  percussão

Serviço:

Evento: ELBA RAMALHO – CARNAVAL DO BRASIL

Data: 19 de abril

Horário: Quinta-feira, às 20h | Abertura da casa: 1h antes do evento

Local do Evento: IMPERATOR – CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA  Teatro

EndereçoRUA DIAS DA CRUZ, 170 – MÉIER Valor do Ingresso: Pista, Plateia inferior e balcão – R$ 70 (inteira) / R$ 35 (meia)

Local de venda: Bilheteria do Centro Cultural, Quarta: 13h às 20h30; Quinta a sábado: 13h às 21h30; Domingo: 13h às 19h30. Ou através do site ingressorapido.com.br

Classificação: Livre

Informações: (21) 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h). Exceto Feriados.

www.imperator.art.br

Até 22/04 –  GATÃO DE MEIA IDADE, A PEÇA

Gatão de Meia Idade. Foto: divulgação/Marco Maia

Gatão de Meia Idade. Foto: divulgação/Marco Maia

Sinopse:

Gatão (Oscar Magrini) é esse homem que tem de lidar com os dilemas masculinos, com a crise da meia idade, sempre em busca de um novo relacionamento e que se depara com as oito hilariantes mulheres (interpretadas por Leona Cavalli), todas completamente diferentes e repletas de humor em nosso espetáculo. O elenco conta ainda com um boneco ventríloquo que funciona como uma espécie de consciência do Gatão

A comédia teatral, que sai das tradicionais tirinhas do Jornal e pela primeira vez no teatro, é inspirada no livro “Cama de gato, Histórias de Cama do Gatão de Meia Idade”, de autoria de Miguel Paiva e aqui adaptada para os palcos por seu próprio criador. Lançado pela Editora Globo retrata de maneira precisa e bem-humorada o quarentão urbano que sabe rir do seu próprio destino e da sua própria imagem. O livro já teve uma versão de sucesso para os cinemas em 2006, com Alexandre Borges como protagonista e agora ganha versão inédita para o teatro.

O personagem “Gatão”, interpretado pelo ator Oscar Magrini, é um homem na faixa dos 50 anos, solteiro, crítico de sua condição, mas que não quer envelhecer sozinho e sabe que, se não se esforçar para isso, vai acabar assim. Além disso, ele é bastante antenado, mas sua antena está, muitas vezes, direcionada para o satélite errado e ele sofre com isso.

A atriz Leona Cavalli interpreta oito hilariantes personagens femininos, todos completamente diferentes e repletos de humor, que dão bossa aos relacionamentos amorosos vividos ao longo da história pelo “Gatão”. Além disso, um show à parte pode ser conferido às frenéticas e muito rápidas trocas de figurino e composição, essas criadas pelo premiado visagista Anderson Bueno, que duram segundos de uma personagem à outra;

O elenco conta ainda com o ator ventríloquo, Yakko Sideratos, considerado o melhor do país no gênero, que manipula um boneco (ventríloquo) que, na história, é uma espécie de “consciência” do “Gatão”. O boneco inflama e apimenta ainda mais o humor presente no espetáculo!

“Gatão de Meia Idade, a peça” mostra detalhes, aflições e anseios da vida de um homem na faixa dos 50 anos que não sabe viver sozinho e tenta, de todas as maneiras, conseguir uma companheira. A peça trata do encontro e busca da mulher ideal, os oito personagens interpretados por Leona Cavalli. Como uma boa comédia, a mensagem principal da peça é: divirta-se e dê boas risadas. E, claro, se você for um homem acima dos 50 anos, cuidado, pois você pode se identificar em muitas situações”, comenta Miguel Paiva, autor da peça e conhecido cartunista brasileiro.

O diretor da comédia, Eduardo Figueiredo, faz sua terceira adaptação do universo dos quadrinhos para os palcos. Sua primeira experiência foi com a peça “Mulheres Alteradas”, da obra da cartunista argentina Maitena sucesso de público e crítica, rendeu turnê por todo o país durante quatro anos e grandes nomes no elenco como: Luiza Tomé, Adriane Galisteu e Mel Lisboa. Em 2018 terá versão para o cinema. E posteriormente, outro livro em quadrinhos adaptado também para os palcos em nova parceria com Maitena, “Superadas”, esse com versão de Miguel Paiva.

“Após minha experiência com duas obras femininas, eu e o Miguel nos unimos para abordar o masculino. Assim, o ‘Gatão de meia idade, a peça’ é minha terceira adaptação dos quadrinhos para o teatro e acho que essa ideia de migrar do impresso para o palco, tem uma linguagem interessante e um humor incrível, além de um apelo lúdico muito bacana. Vale a pena assistir o ‘Gatão’ pela interpretação do Oscar Magrini e o virtuosismo de Leona Cavalli onde interpreta 08 diferentes personagens, garantimos boas risadas”, comentou o diretor.

Ficha técnica:

Texto: Miguel Paiva

Direção: Eduardo Figueiredo

Direção de Arte: Márcio Vinicius e Sofia Quevedo

Direção Musical: Guga Stroeter e Matias Capovilla

Visagismo: Anderson Bueno

Lightdesigner: Guilherme Bonfanti

Preparação do Elenco: Daniela Biancardi

Preparação Chicote: Fábio Cadôr

Coreografia: Janaína Marlene

Assistente de Direção: Alex Bartelli

Fotos: Gabriel Wickbold

Programação Visual: Vitor Vieira e Amanda Coelho

Assessoria de Imprensa: Julyana Caldas

Produção Executiva: Maria Pia Calixto

Leis de incentivo: Renata Vieira

Financeiro: Thaiss Vasconcelos

Administração: Paulo Paixão

Diretor de Produção: Maurício Machado

Realização e Produção: manhas & manias – projetos culturais

Serviço:

Evento: GATÃO DE MEIA IDADE, A PEÇA.

Data: 06 a 22 DE ABRIL

Horário: Sextas e sábados às 21h e Domingos às 19h.

Local do Evento: IMPERATOR – CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA  Teatro

Endereço: RUA DIAS DA CRUZ, 170 – MÉIER

Valor do Ingresso: Plateia inferior e balcão – Sextas e Domingos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) / Sábados: R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia)

Local de venda: Bilheteria do Centro Cultural, Quarta: 13h às 20h30; Quinta a sábado: 13h às 21h30; Domingo: 13h às 19h30. Ou através do site ingressorapido.com.br

Forma de pagamento para o evento: dinheiro e cartões Dinners, Master (débito e crédito), Visa (débito e crédito) e Vale Cultura.

Classificação: 16 anos

Duração do espetáculo: 75 minutos

Informações: (21) 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h). Exceto Feriados.

www.imperator.art.br

Até 22/04 – PORQUINHOS – O MUSICAL

Os Porquinhos - O Musical. Foto: Divulgação

Os Porquinhos – O Musical. Foto: Divulgação

Sinopse:

PORQUINHOS O MUSICAL, conta a clássica história dos porquinhos que viviam na floresta e decidem construir cada um a sua casinha. A primeira porquinha se chama Kika, por ser a mais preguiçosa do trio, decide construir rapidamente uma casa de palha para poder descansar. A segunda porquinha se chama Rosa, por ser muito vaidosa, decide construir uma casa de madeira super estilosa, porém não muito segura. O terceiro e último porquinho se chama Pietro, o mais responsável, decide construir sua casa de tijolos, por segurança. O Lobo se chama Maumau, que vive faminto na floresta, vai tentar derrubar a casinha dos porquinhos e fazer dos três o seu jantar.

PORQUINHOS O MUSICAL, conta a clássica história dos porquinhos que viviam na floresta e decidem construir cada um a sua casinha. A primeira porquinha se chama Kika, por ser a mais preguiçosa do trio, decide construir rapidamente uma casa de palha para poder descansar.  A segunda porquinha se chama Rosa, por ser muito vaidosa, decide construir uma casa de madeira super estilosa, porém não muito segura. O terceiro e último porquinho se chama Pietro, o mais responsável, decide construir sua casa de tijolos, por segurança. O Lobo se chama Maumau, que vive faminto na floresta, vai tentar derrubar a casinha dos porquinhos e fazer dos três o seu jantar. A concepção de Leandro Bispo cria uma versão original e bem humorada, mas também com uma mensagem educativa para as crianças: “Tudo alcança aquele que trabalha duro enquanto espera.”  Thomas Edison. Os números musicais passam por gêneros como o jazz, blues, pop e o rock.

O texto de Dharck Tavares traz uma linguagem infantil e interativa, fazendo com que a platéia participe ativamente do espetáculo. A direção geral de Allan Ragazzyconsegue transformar a obra em um musical para toda família, com a presença de bailarinos e estética visual de grandes musicais. Já a produção de Deise Reis, Leandro Bispo e Rodrigo Mosquito, enriquece a qualidade do espetáculo, devido aos longos anos de sucesso e experiência dedicados ao público infantil, levando a sério o que é “coisa de criança”.

Elenco:

Aléxia Pires

Paulo Eduardo Campos

Raí Valadão

Rayssa Bentes

Hugo Faro

Twigg

Bailarinos: 

Levy Leal​ 

Caio De Paiva

Ingrid Maia

Thaina Tavares

Ficha Técnica:

Concepção: Leandro Bispo

Direção geral: Allan Ragazzy

Texto e coreografias: Dharck Tavares

Direção musical: Thiago Garcia

Direção de produção: Deise Reis e Leandro Bispo

Canções originais: Bruno Camurati

Produção Musical e arranjos instrumentais: Wagner Monaco

Guitarras: Rodrigo Kazui

Assistente de coreografias: Thainá Tavares e Rayssa Bentes

Cenário: Mario Pereira

Figurino: Leandro Bispo

Operador de Som: Paloma Dantas

Microfonista: Fred Sondermann

Operador de Luz: Henrique Gouveia

Produção Executiva: Susana Cardoso e Fernando Lomba

Assistente de produção: Sam Gutierrez e Felipe Meneses

Produtor Executivo Temporada Bradesco: Rodrigo Mosquito

Co-produção: Mosquito Produções

Direção de Produção: Leandro Bispo e Deise Reis

Serviço:

Evento: PORQUINHOS – O MUSICAL

Data: 07 a 22 de abril

*21/04 – Sessão com Acessibilidade: legendagem e audiodescrição.

Horário: Sábados e domingos, às 16h.

Local do Evento: IMPERATOR – CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA  Teatro

EndereçoRUA DIAS DA CRUZ, 170 – MÉIER

Valor do Ingresso: Plateia inferior e balcão – R$ 40 (inteira) / R$ 20 (meia)

Local de venda: Bilheteria do Centro Cultural, Quarta: 13h às 20h30;

Quinta a sábado: 13h às 21h30; Domingo: 13h às 19h30. Ou através do site ingressorapido.com.br

Forma de pagamento para o evento: dinheiro e cartões Dinners, Master (débito e crédito), Visa (débito e crédito) e Vale Cultura.

Classificação: Livre

Duração do espetáculo: 60 minutos.

Informações: (21) 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h). Exceto Feriados.

www.imperator.art.br

Elba Ramalho e mais! Veja as atrações da semana no Imperator
To Top