UOL HOST: Hospedagem de sites, Loja Virtual, Registro de domínios
Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)
Pop

Clean Bandit faz festa e surpreende, em estreia no Brasil

Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)

Um dos grandes nomes do pop eletrônico mundial, o Clean Bandit fez sua primeira apresentação na América do Sul. Para a estreia, o local escolhido foi a Audio, casa de shows localizada em São Paulo. Com público ávido e cheio de expectativas, o trio composto por Grace Chatto, Jack Patterson e Luke Patterson iniciou repleto de emoção e expectativas.

A expectativa era grande: o Clean Bandit tem se destacado – e muito! – no cenário musical internacional, e avassala multidões em todo o mundo. Formado em 2009, no Reino Unido, o trio teve com “Rather Be“, sua parceria com a cantora Jess Glynne, seu grande sucesso, que já contabiliza mais de meio bilhão de views no YouTube e, desde então, virou febre.

O concerto do Clean Bandit é um pouco diferente. Os artistas, que ficam incumbidos de estabelecer as bases instrumentais das faixas, são acompanhados por duas vocalistas e uma violoncelista, que acabam dominando o palco, fazendo interações com o público e com os artistas principais.

O Show

Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)
Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)

Famosos por já terem gravado com alguns dos maiores artistas do mundo, como Demi Lovato, Zara Larsson, Sean Paul, Jess Glynne e, recentemente, Luis Fonsi e Marina Diamands, do Marina & The Diamonds, o Clean Bandit faz questão de aplicar vocais ao vivo em suas apresentações, diferentemente de DJs e percurssionistas que, em sua maior parte, utiliza de artifícios de playback nos shows. Yasmin Green e Kirsten Joy são as responsáveis por dar voz ao show, que conta ainda com participação da violoncelista Stephanie Benedetti.

Por volta das 23h15 desta sexta-feira, 1º, o Clean Bandit subiu ao palco para sua estreia na América do Sul, algo muito pedido pelos fãs há anos. Apresentando pela primeira vez o show de sua nova turnê, os britânicos pareciam visivelmente felizes com a apresentação, contagiados com o calor do público paulistano, que parecia querer abraçar os músicos.

E para abrir o show, a faixa escolhida foi o sucesso “Symphony“, famosa parceria com Zara Larsson, sucedida da incrível “Real Love“, uma das faixas mais conhecidas de “New Eyes“, álbum de estreia do trio.

O clima de descontração tomou conta do espaço. À vontade, Grace Chatto, que ficava em uma parte um pouco mais alta no centro do palco, desceu e começou a interagir com o público, que a aclamou.

“Esta é a nossa primeira vez no Brasil. Nós somos o Clean Bandit e estamos muito felizes de estar aqui” – Grace Chatto.

Esta, no entanto, foi a primeira e única vez que Grace pegou o microfone para se expressar diretamente ao público. Preocupada com sua performance nos acordes, a artista deixa o palco ser dominado por suas vocals. E elas dominam! Em diversos momentos Yasmin e Kirsten mostram que pode, sim, substituir ao vivo as grandes estrelas que colaboram com as versões gravadas.

“Solo”

Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)
Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)

Um dos momentos mais aguardados do show aconteceu logo no início, com pouco menos de 15 minutos de duração. A performance de “Solo“, aclamada parceria com Demi Lovato, colocou o público abaixo, que cantou, gritou e interagiu com as vocalistas.

E se a faixa, gravada por Demi, conta com uma participação incrível da artista, a versão ao vivo não deixa a desejar. De fato, parece que haviam umas bases com a voz original de Lovato, algo que implicou apenas na maior efetivação do espetáculo, realmente lindo.

Outras parcerias

Parcerias são o forte do Clean Bandit. Por se tratarem de três músicos que não cantam – apesar de, em alguns refrões, Grace se aventurar a cantarolar algumas palavras, o trio inglês tem na percussão e instrumentação sua expertise, trazendo ao público um resultado notoriamente incrível.

Na performance de “Baby“, parceria com Luis Fonsi e Marina, que conta com recém-lançado clipe, um dos momentos mais animados do show, os artistas se dispuseram a dançar aproveitando, de forma solene e entretida, a festa.

Outras grandes colabs também não ficaram de fora da apresentação, como “Should’ve Known Better” (feat Anne-Marie), “I Miss You” (com Julia Michels), e “Mama“, atual single nas rádios, em parceria com a também britânica Ellie Goulding.

Yasmin Greene

Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)
Clean Bandit. Foto: Reprodução/Instagram (@cleanbandit)

Você pode não conhecer, mas Yasmin Greene é uma artista incrível e que deve ser notada. A britânica não apenas tem uma voz incomparável, como sabe dominar um palco. Em meio a vibratos, a cantora se mostra como uma verdadeira estrela ao lado do trio.

E com tamanho talento, óbvio que o Clean Bandit não a deixariam escapar. Yasmin é parceira em “24 Hours“, lançada o novo álbum do grupo.

Gostinho de “quero mais”

O grande divisor de águas na história do trio, “Rather Be” foi a última faixa do show, antecedida por “Tears“, gravada originalmente pela vencedora do “The X FactorLouisa Johnson. Ainda com empolgação, os fãs clamaram o hino dos britânicos em uníssono.

Mas o show acabou cedo, por volta das 0h deste sábado, 2. Com cerca de uma hora de duração, a apresentação, apesar de inestimável, deixou alguns fãs, principalmente aqueles mais assíduos, com vontade de pular um pouco mais. Sucessos recentes como “Nowhere” (feat. Rita Ora e Kyle), e “In Us I Believe“, com a europeia ALMA e “Playboy Style“, foram deixados de fora do show.

Neste sábado, o Clean Bandit fará mais uma apresentação no Brasil: o trio se apresenta em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, no Festival Planeta Atlântida.

Confira a setlist do show:

Clean Bandit Setlist Audio Club, São Paulo, Brazil 2019
SHOPPING

Clean Bandit faz festa e surpreende, em estreia no Brasil

To Top